O Acampamento #LutaPelaVida já é a maior mobilização dos povos indígenas desde a constituinte de 1988. Enfrentando uma pandemia mortal, o agronegócio e a mineração, mais de 6000 mil pessoas de 173 povos vieram a Brasília lutar contra o Marco Temporal que será julgado no STF na quinta-feira (25/08).

Mais de 6000 pessoas de 173 povos fazem vigília em frente ao STF. Com a força de seus encantados, os povos cantam e pedem que a corte defenda os direitos garantidos na constituição e decida: #MarcoTemporalNão.

“Fazemos esse chamado, ainda durante a pandemia, porque não podemos calar diante de um genocídio e um ecocído, que a Terra grita mesmo quando estamos em silêncio”, afirma o manifesto de convocação do Luta pela Vida da APIB.

Nenhum comentário ainda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *